Empilhadeiras em indústrias: Como podem ajudar?

Categories: Tags:

Empilhadeiras em industriasA rotina diária nas indústrias envolve o transporte de matérias-primas, ferramentas e mercadorias, e não raro, a movimentação de cargas muito pesadas, o que torna inviável o seu transporte manual.  Por isso, não é à toa que as empilhadeiras são aliadas indispensáveis neste trabalho.

As empilhadeiras em indústrias garantem vários benefícios na cadeia produtiva, tais como: a movimentação eficiente da carga, maior controle da mercadoria a ser transportada, melhor organização no sistema de logística, além de ofertarem um nível maior de segurança por serem precisas e podendo transportar com rapidez e eficiência, minimizando eventuais danos aos produtos.

Vale lembrar que no Brasil, o transporte manual de cargas é regido por lei e que o atendimento às diretrizes constantes na NR 17 da Portaria 3214/78 do MTE é o referencial para que indústrias e empresas de outros segmentos desenvolvam medidas eficazes para a atividade. E aí se encaixa certamente, o maior benefício das empilhadeiras do ponto de vista da segurança e medicina ocupacional, que é a diminuição do esforço físico dos trabalhadores, com consequente diminuição do número de afastamentos decorrentes do esforço físico intenso. Sem contar que, a utilização do equipamento propicia mais conforto e dinamismo às atividades dos colaboradores, contribuindo diretamente na otimização do seu trabalho.

Para quem pretende introduzir as empilhadeiras no cotidiano da empresa, é bom ter em mente  que para a definição  do melhor modelo para o negócio é preciso saber:  o quanto o equipamento será demandado, a carga diária de movimentação de materiais, a distância a ser percorrida, o tipo de piso do local onde o equipamento será utilizado com mais frequência, além da altura, peso e dimensão média das cargas que serão movimentadas.

Todas essas variáveis são primordiais para garantir a alta performance do equipamento e a sua manutenção, evitando imprevistos e atrasos na produção, logística ou entrega das mercadorias.

Existem modelos diferentes de empilhadeira que se adaptam às mais diversas necessidades, confira:

 

Empilhadeiras Elétricas

Esse modelo é recomendado para ambientes internos, onde o piso é liso e regular, isso porque a empilhadeira dispõe de baterias recarregáveis a partir de fontes de eletricidade e pode carregar as cargas necessárias para esses ambientes.

Existem algumas variações desse equipamento, como as patoladas, que podem elevar-se a uma altura de até 5 metros, as pantográficas que auxiliam na estocagem em profundidades, as retráteis, cujos diferenciais são o design compacto e uma incrível capacidade de elevação, com alguns modelos que podem alcançar 1313.5 metros de altura, as contrabalançadas que trabalham bem em rampas, deslocamentos longos e elevações e as trilaterais, que funcionam bem em corredores estreitos e grandes alturas otimizando a capacidade do seu armazém.

 

Empilhadeiras a Combustão

As empilhadeiras a combustão são recomendadas para ambientes externos e com pisos irregulares. Elas são robustas, suportam cargas de 2.000kg a 20.000kg e conseguem transitar em locais menos favoráveis. Existem versões compatíveis com gás GLP, gasolina ou diesel.

Com as empilhadeiras, as indústrias conquistam mais eficiência, agilidade e qualidade na produção e entrega das mercadorias. Por isso, lembre-se que a escolha da solução ideal para o seu negócio depende de fatores como a distância percorrida, o tipo de carga e as condições do local.

A movimentação de cargas e materiais no seu negócio é um assunto para especialistas! Por isso, a Orguel agora tem uma parceria de peso: A CROWN. A CROWN é uma das maiores empresas do mundo na fabricação e comercialização de empilhadeiras. Na Orguel, o cliente conta com um portfólio de modelos com alta tecnologia para todo tipo de desafio, seja de altura ou terreno. Solicite aqui o seu orçamento e converse com um de nossos consultores!

 

 

Fonte: https://blog.acoplastbrasil.com.br/empilhadeiras/